Emissora: NBC.
Emissora no Brasil: Rede Globo, Cartoon Network e Boomerang.
Transmissão Original: de de 12 de setembro de 1981 a 2 de dezembro de 1989.
Duração: 22 minutos.
Temporadas: 9 (93 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: Hanna-Barbera Productions.

O Desenho.


Os Smurfs foram criados pelo desenhista belga Pierre Culliford, mais conhecido como Peyo, e apareceram pela primeira vez nos quadrinhos, como coadjuvantes em uma das histórias de “Johan’s and Peewit’s Adventures” em outubro de 1958. Logo ganharam seu próprio espaço, com o episódio “Os Smurfs e a Flauta Mágica”, alcançando um sucesso tão grande que em 1981, foram trazidos para tevê por Fred Silverman, diretor da NBC Network, nos EUA.

Depois os estúdios da Hanna-Barbera acabaram fechando contrato para produzirem uma série de desenhos animados dos personagens. Assim, em 1981, Os Smurfs estreavam na televisão trazendo uma febre dos azulzinhos, com inúmeros produtos, discos e comercias de TV, ligados aos personagens.

A História.


Os Smurfs eram um grupo de duendes azuis, bem pequenos, tendo a altura equivalente a apenas três maçãs. Há muitos e muitos anos eles viviam no coração da floresta, na encantada Vila Escondida onde só entra quem for convidado, morando em casinhas de cogumelo. Essas pequenas criaturas tinham aproximadamente 100 anos, sendo Papai Smurf o mais velho, com algo em torno de 550 anos.

Os Smurfs passavam seu tempo vivendo em seu cotidiano pacato até que fossem perseguidos pelo maligno feiticeiro Gargamel. O maior desejo de Gargamel era capturar alguns Smurfs para devorar, mas suas tentativas eram quase sempre em vão e quando ele finalmente conseguia essas pequenas criaturas sempre arranjavam uma forma de escapar. Como se não bastasse a maldade do vilão, os pequeninos ainda tinham que fugir do ajudante de Gargamel, o Espeto, e das garras do animal de estimação do feiticeiro, o gato Cruel, que mostrava bem o comportamento dos vilões do desenho só no seu famoso rosnado: “crueeeeeelll”.

Papai Smurf era o mais velho do grupo, por isso mesmo era muito sábio e estava à frente dos Smurfs, não só como um excelente líder mas também como um ótimo alquimista; Smurfete era a única mulher da Vila na maioria dos episódios, e foi criada por Gargamel para atrair os outros smurfs, mas a mágica de Papai Smurf a transformou numa charmosa aliada; Gênio era o único smurf que levava tudo a sério, além de ser o mais inteligente e de sempre bolar os planos para fugir das emboscadas do Gargamel, mas por ser muito chato vivia sendo arremessado pelos companheiros.

Joca era o mais brincalhão dos smurfs e às vezes deixava todos irritados com suas brincadeiras de mau gosto, como os seus presentes explosivos; Ranzinza estava sempre de mau humor e mesmo quando estava um pouquinho alegre nunca admitia; já o Harmonia tinha a alma de um grande músico, mas não o talento, por isso quando tocava sua corneta deixava os outros smurfs irritados; o Poeta vivia as voltas com sua caneta de pena e seu pergaminho, escrevendo prosas e sonhando tanto com suas poesias, que as vezes nem percebia os perigos que se metia; Apaixonado é o mais romântico dos smurfs e desde a chegada de Smurfete passava o dia sonhando com ela, escrevendo seu nome nos troncos das árvores; Vaidoso usava uma flor no chapéu e volta e meia estava se olhando no espelho; Robusto era o mais forte de toda a turma, o Habilidoso vivia trabalhando e consertando as coisas; Fominha era o smurf mais esfomeado de todos e o cozinheiro da turma que fazia as sobremesas mais gostosas de toda a Vila e ficava muito zangado quando alguém roubava comida de sua casa; tinha ainda o Desastrado e o Bebê Smurf e a Sassete.

 

No Brasil.


No Brasil o desenho estreou no dia 25 de julho de 1982 às 12h, passando a fazer parte, na Rede Globo, da programação de domingo. Em 1984 Os Smurfs começaram a ser exibidos dentro do programa Balão Mágico e com o fim do infantil transferiu-se para o Xou da Xuxa em 1986, ficando no programa da Rainha dos Baixinhos até o início da década de 1990.

No Cartoon Network esteve entre os anos de 1996 e 1997 e em seguida foi reprisado pelo canal Gloob, dessa vez contando com uma nova dublagem

Os Filmes.


Em 1976, La Flûte à six schtroumpfs (adaptação da história original de Johan et Pirlouit) foi lançado. No Brasil, esse filme foi conhecido com o nome Os Smurfs e a Flauta mágica. Outras longas-metragens foram feitas, como The Baby Smurf e Here are the Smurfs, criados de episódios do desenho animado produzido pela Hanna-Barbera.

Os Smurfs, produzido pela Sony Pictures Animation, feito em CGI e live-action, foi lançado em 29 de julho de 2011 nos cinemas e em 2 de dezembro do mesmo ano foi lançado em DVD e Blu-ray com o minifilme Os Smurfs: Um Conto de Natal.

A sequência, Os Smurfs 2, saiu nos cinemas em 31 de julho de 2013. No mesmo ano foi lançado também o  minifilme Os Smurfs: A Lenda de Smurfy Hollow.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin