Emissora: ABC.
Emissora no Brasil: SBT, TV Record, Jetix e Boomerang.
Transmissão Original: de 6 de agosto de 1969 a 30 de abril de 1972.
Duração: 7 minutos.
Temporadas: 1 (17 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras:
Depatie Freleng Enterprise.

O Desenho.


– Hey Toro ?

– O que é Pancho ?

– O Gafanhoto está chegando

– Obaa….vamos comê-lo.

Uma versão anfíbia do gordo e o magro, a série Toro e Pancho (Tijuana Toads) estreou no dia 6 de agosto de 1969 pela produtora Depatie Freleng Enterprise e era apresentada junto com o desenho da Cobrinha Azul.

Foram produzidos apenas 17 episódios animados da dupla, mas engraçados o suficiente para se manter na memória de muita gente.

.

Embora tivesse durado poucos episódios, a série continuou sendo reprisada nos Estados Unidos ininterruptamente até 30 de abril de 1972. Tudo graças ao grande sucesso alcançado pela duplinha de sapos, que tinha um carisma especial, atribuído em grande parte pelas personalidades caricatas e muito bem interpretadas pela dupla Don Diamond (Toro), ator que viveu o Cabo Reys da série Zorro da Disney, e Tom Holland (Pancho).

Os sapos voltaram a TV em 1976, como parte do Pink Panther Laugh and a Half Hour and a Half Show (A Pantera Cor-de-Rosa), mas tiveram um pequeno problema, as piadas foram consideradas de mau gosto e foram obrigados a rebatizar e renomear o desenho para Texas Toads, os sapos foram rebatizados de “Fatso” e “Banjo” e os cenários alterados para o Texas.

 

A História.


Toro é um sapo gordo e mandão que vive na região ao sul da América do Norte ao lado do esbelto e bobão sapo Pancho. A dupla de paspalhões anfíbios do brejo, vive de sombreiro, fala com sotaque mexicano e passa o tempo se esforçando para levar a vida normal de qualquer sapo, coaxando à beira da lagoa e tentando fugir dos eventuais cozinheiros que tentam pegá-los e do Crane, O Perna Fina, além é claro, de passar grande parte do seu tempo tentando capturar moscas e gafanhotos para comer. Acontece que um desses gafanhotos vive conseguindo escapar dos dois sapos que fazem de tudo para enganá-lo de todas as formas, mas nunca têm êxito.

Em alguns episódios de Toro e Pancho, a dupla persegue insistentemente um teimoso Besouro Japonês (Japanese Beetle), aquele do “tolí-tolí-tolááá”. Depois o besouro passou a fazer parte das aventuras da Cobrinha Azul (The Blue Racer), que também surgiu em um dos episódios animados de Toro e Pancho, antes de ganhar seu próprio desenho animado.

 

No Brasil.


Foi exibido pela primeira vez no Brasil entre os anos de 1983 e 1985 no SBT, na época recebendo a dublagem do estúdio Telecine. Também foi mostrado pelo canal por assinatura Boomerang contendo uma redublagem de São Paulo.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin