Emissora: Syndication.
Emissora no Brasil: Rede Globo, Rede Globo, Boomerang, Rede Família, RBTV e Gloob.
Transmissão Original: de 9 de setembro de 1985 a 5 de dezembro de 1987.
Duração: 22 minutos.
Temporadas: 2 (93 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: Filmation Associates e Mattel Inc.

 

O Desenho.


Depois do incrível sucesso que o desenho animado do personagem He-Man alcançou, alavancando as vendas de bonecos e acessórios da empresa Mattel, eles resolveram criar mais um desenho animado, nos mesmos moldes de He-Man, dessa vez visando alcançar o público feminino. Com o mesmo estilo e boa animação, She-Ra, a Princesa do Poder era somente uma versão feminina do Príncipe Adam, mas acabou emplacando também.

O desenho estreou no dia 23 de setembro de 1985 e trazia uma excelente jogada de marketing que o ajudou a atingir uma grande aceitação imediata, a personagem título do programa era irmã-gêmea do Príncipe Adam.

 A música foi composta e regida por Shuki Levy, Saban Haim e Lane Erika. Com a letra de Erika Scheimer, que também cantou a música com Noam Kaniel, com a introdução de Melendy Britt.

A História.


No desenho, a princesa Adora, filha do Rei Randor e da Rainha Malena, foi raptada do Palácio por Hordak quando ela era apenas um bebê. Ele a levou para o reino de Etheria (que fica no mesmo universo que Eternia, mas ninguém sabe exatamente a distância entre os dois planetas). Hordak, que foi mestre do Esqueleto, resolveu fugir de Eternia quando se sentiu ameaçado por seu aprendiz.

A Feiticeira, responsável pelo castelo de Grayskull, apagou da mente de todos de Eternia qualquer tipo de lembrança em relação a princesa, para amenizar a dor do Rei e da Rainha.

Em Etheria a princesa foi treinada para ser a capitã da horda do mal, chefiada por Hordak, com intuito de conquistar o Castelo de Cristal, mas ela reencontrou He-Man e descobriu sua verdadeira identidade. Adora ficou sabendo o segredo da Espada Mágica, que ao erguê-la e gritar a frase “Pela Honra de Grayskull” ela se tornaria a guerreira She-Ra e seu cavalo Espírito se transformaria em um unicórnio que voava, chamado Ventania, com voz de galã e penas multicoloridas. A espada, por sinal, é diferente da de He-Man, pois pode se transformar em outros objetos, como por exemplo, um laço mágico.

A partir de então, She-Ra se juntou aos membros da Grande Rebelião e iniciou uma luta contra Hordak. She-Ra soltou Ângela, Rainha de Lua Clara, que estava há muito tempo prisioneira. A Floresta do Sussurro voltou a ficar protegida de novo, mas She-Ra, temendo novos ataques da Horda, decidiu que sua presença lá era fundamental. Portando seu irmão voltou sozinho para Eternia.

Outros aliados das forças do bem são: Pavão Azul; Esperança da Luz, uma espécie de divindade que protege o castelo de Cristal; Rei Argo, o líder do povo Troll e grande amigo de She-Ra que foi o primeiro a ver o Castelo de Cristal; Grox, braço direito de Argo; Stondar, o líder do povo Pedra que viajava pelo Universo com seu amigos, Granita e Rocko em busca de um novo lar para sua raça.

She-Ra conta com aliados na luta contra o mal, como Madame Rizzo, uma poderosa mágica que quase sempre se confunde na hora de fazer as magias; Vassourito, a vassoura mágica de Madame Rizzo; Corujito, uma espécie de coruja com partes do corpo de borboleta; Rainha Ângela, a autoridade da Lua Clara, um reino localizado no centro da Floresta do Sussurro; Cintilante, filha da Rainha Ângela e responsável pelo inicio da rebelião contra a Horda; Rainha Mágica, rainha do Reino da Mágica, um território aliado dos rebeldes; e Gélida, Imperatriz das terras frias de Etheria.

Além dos soldados de Hordak, o vilão possui um exército de malfeitores cada um pior que outro para ajudá-lo a combater She-Ra. Entre eles Sombria, a maga da corte de Hordak com grandes poderes mágicos; Felina, capaz pode se transformar numa enorme e feroz gata roxa com a ajuda de sua máscara mágica; Scorpia, a mulher-escorpião que serve à Horda; Mantenna, o bobo da corte de Hordak que frequentemente jogado na masmorra por seu mestre e pode dispara raios pelos olhos; Sangue-Suga, um monstro com ventosas nas mãos que pode sugar a energia de quem toca; Pavoroso, uma espécie de homem-leão que serve à Horda, Pingo o bichinho de estimação de Hordak que parece uma mistura de morcego com porco e tem o poder de se transformar em objetos.

Havia ainda um personagem engraçadinho de orelhas pontudas, o “Geninho”, que se escondia no cenário de cada episódio e, antes de dar a moral da história no final de cada história, convidava os espectadores a descobrirem onde ele estava no desenho.

No Brasil.


No Brasil o She-Ra foi exibido a partir de 1986 no programa Balão Mágico e depois no Xou da Xuxa, onde a personagem ganhou até uma música da Rainha dos Baixinhos.

Depois de um enorme sucesso no programa da loira o desenho passou para a TV Colosso onde saiu do ar junto com o programa e ficou anos sem ser exibido por aqui. Em 2006 voltou à nossa programação pela emissora a cabo Boomerang e mais tarde pela Rede Família, RBTV e Gloob.

 



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin