10 Mais – Emílias do Sítio do Picapau Amarelo.

O InfanTv abre uma exceção na seção “10 +” para falar de uma das personagens mais importantes na nossa literatura, a Emília de Monteiro Lobato. Vamos mostrar aqui as “11” Emílias adaptadas para cinema e TV.

Feita por Tia Nastácia para a menina Narizinho, e transformada em uma boneca tagarela após tomar a “pílula falante”, Emília passou a “abrir sua torneirinha de asneiras” na mídia eletrônica desde 1951, quando estreou no filme “O Saci”. De lá pra cá foram 8 títulos e 11 intérpretes. Vamos conferir?

Do 10 ao 6Do 5 ao 1

 

11

Olga Maria

O Saci


A primeira a interpretar a boneca falante foi a atriz Olga Maria no filme O Saci, de 1951, dirigido por Rodolfo Nanni. Hoje nutricionista na Escola Paulista de Medicina, Olga fez um excelente trabalho em frente às câmeras e após trabalhar em Os anjos Não Têm Cor, O Palhaço e Moral em Concordata, saiu do meio artístico.

 

10

Lúcia Lambertini

O Sítio do Picapau Amarelo


Lúcia Lambertini estreou em TV Tupi em 1952, vivendo a Emília da primeira versão de Sítio do Picapau Amarelo para a TV, personagem que marcou sua carreira em definitivo. Voltou a interpretar a personagem na versão do Sítio de 1964 exibida pela TV Cultura. Faleceu em São Paulo vítima de um ataque cardíaco.

 

9

Dulce Margarida

O Sítio do Picapau Amarelo


Dulce substituiu Lúcia Lambertini por duas vezes no Sítio nas ocasiões em que a atriz precisou ficar afastada da série, quando se casou e quando ficou grávida. Ficou definitivamente na série que era exibida para São Paulo, quando Lambertini mudou-se para o Rio para fazer a Boneca de Pano por lá.

 

8

Zodja Pereira

O Sítio do Picapau Amarelo


Em 1967 o Sítio ganhou uma nova versão exibida pela TV Bandeirantes. O programa tinha agora Zodja Pereira no papel da boneca Emília. Anos mais tarde Zodja ingressou na dublagem e hoje é proprietária da Central Dubrasil, responsável pela inserção de diversas novas vozes no mercado.

 

7

Leda Zepellin

O Sítio do Picapau Amarelo


Sob direção de Geraldo Sarno mais uma Emília foi para as telonas em 1973, agora interpretada por Leda Zepellin. A atriz ficou mais conhecida pelo seu trabalho como Chacrete. Trabalhou também em filmes como: Teu Tua, Porque Hoje é Sábado, Eu Dou O Que Ela GostaEu Transo, Ela Transa. Faleceu no início da década de 1990.

6

Dirce Migliaccio

O Sítio do Picapau Amarelo


Dirce foi a primeira Emília da adaptação mais conhecida do Sítio. Também ficou conhecida como uma das “Irmãs Cajazeiras” da telenovela O Bem-Amado, de Dias Gomes. Dirce Migliaccio era irmã do também ator Flávio Migliaccio. Faleceu de problemas respiratórios e infecção urinária em 2009.

 

5

Reny De Oliveira

O Sítio do Picapau Amarelo


Com a saída de Dirce Migliaccio do elenco do Sítio, Reny de Oliveira ficou com o papel da Boneca de Pano. Acabou por desistir da carreira artística ao ver que sua imagem estaria para sempre atrelada à personagem, apesar das tentativas de afastar-se dela quando, por exemplo, posou nua. Atualmente, Reny vive nos Estados Unidos, longe da carreira televisiva.

 

4

Suzana Abranches

O Sítio do Picapau Amarelo


A terceira Emília do Sítio dos anos 70 foi feita pela Suzana Abranches. A personagem de Monteiro Lobato é o maior destaque da careira da atriz que participou de algumas novelas como Tudo ou Nada, A História de Ana Raio e Zé Trovão, Zazá e Floribella. Suzana voltou a vestir os trajes da Emília para apresentar as reprises da série na TV Educativa e na peça baseada no “Sítio” no Teatro Villa-Lobos.

 

3

Baby Consuêlo (do Brasil)

Pirlimpimpim


Em 1982 foi a vez da cantora Baby Consuelo dar vida a boneca. No especial Pirlimpimpim, Baby interpretava Emília e cantava o tema da personagem  “Emilia a Boneca Gente”. Com um tempero baiano todo especial, Consuelo fez uma Emília com figurino espacial e deu charme diferente a uma personagem já consagrada.

 

2

Isabelle Drummond

O Sítio do Picapau Amarelo


Emília voltou a ser criança na mais recente versão dos personagens de Lobato. A personagem recebeu uma interpretação primorosa da então menina Isabelle Drummond, que integrou o elenco da atração por seis anos consecutivos. Em 2007, despontou como Gina na novela Eterna Magia e em 2008, fez uma participação de dois capítulos na novela A Favorita. Hoje possui uma carreira consolidada na Globo.

 

1

Tatyane Goulart

O Sítio do Picapau Amarelo


Começou a carreira artística ainda pequena, em 1991, com apenas sete anos, na telenovela Felicidade, no papel da garotinha Bia, que lhe rendeu o Troféu Antena de Ouro. Em 2007 com a saída de Isabelle, Tatyane assumiu o papel até o final da produção e é a Emília mais recente em se tratando de adaptações da personagem.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin