É um clássico seriados de televisão dos anos 50 que narra as aventuras do  ex mergulhador da força naval Mike Nelson.

Emissora: Syndication.
Emissora no Brasil: TV Tupi, TV Record, TV Rio e Rede Globo.
Transmissão Original: de 4 de janeiro de 1958 a 23 de setembro de 1961.
Duração: 30 minutos.
Temporadas: 4 (155 episódios).
Preto e branco.
Companhias Produtoras: United Artists Television e ZIV Television Programs Inc.

A Série.


No final dos anos 50, o ex astro do atletismo Lloyd Bridges, que por fazer parte do Partido Comunista só havia conseguido papéis no teatro e pequenos filmes, foi convidado a trabalhar na série de TV Aventura Submarina (Sea Hunt) no papel do mergulhador Mike Nelson. Bridges não tinha sido o primeiro nome para o papel, e sim Marshall Thompsom (de Daktari), mas Fred Ziv, optou por Lloyd Bridges na decisão final.

A série de ação, que estreou no dia 4 de janeiro de 1958, foi produzida por Ivan Tors, um defensor da natureza, algo difícil de encontrar na década de 1950. O programa ficou no ar por quatro temporadas, onde rendeu 155 episódios.

Inicialmente haviam planejado em produzir Aventura Submarina a cores, e até dois episódios pilotos foram gravados com esse formato. A qualidade final da imagem, devido ao equipamento usado na época, ficou abaixo do esperado, pois ele distorcia as cores nas tomadas submarinas, forçando a produção a optar pela realização do seriado em preto e branco.

O programa tornou-se um gigantesco e surpreendente sucesso em todo o mundo e transformou o ator Lloyd Bridges em celebridade. Depois do papel de Mike Nelson, Bridges jamais conseguiu se desvincular do personagem e por isso a escolha para outros trabalhos tornou-se dificultada. Com o fim da produção de Aventura Submarina, Bridges chegou a ganhar um programa chamado Lloyd Bridges Show, em 1962.

Depois de começar a ser produzida modestamente em tanques construídos em Hollywood, Aventura Submarina teve um aumento de orçamento que permitiu que passasse a ser filmada na Flórida, Bahamas e Ilhas Catalina dando mais credibilidade e beleza aos seus episódios. No começo os diretores utilizavam dublês para as cenas submarinas, mas com o passar do tempo, Lloyd Bridges aprendeu a mergulhar e começou a atuar ele mesmo nas cenas no fundo do mar.

Aventura Submarina destacava-se por ser um programa com o ambiente de trabalho extremamente em família, não era raro a aparição dos filhos verdadeiros de Bridge, Jeff e Beau, nos episódios do seriado.

Em 1987, a série original foi novamente reavivada estrelada por Ron Ely (que ficou famoso por Tarzan na televisão) como Mike Nelson e Kimber Sissons como Jennifer Nelson. Por razões orçamentárias várias partes da série foram filmadas no Canadá e algumas na Flórida.

 

A História.


No seriado, o ex mergulhador da força naval americana (tendo deixado o serviço cerca de quatro anos antes da série começar), reconhecido como um dos principais especialistas nova forma de exploração submarina em mergulho livre. Assim, Mike Nelson era  frequentemente chamado para projetos difíceis ou perigosos, o que colocava o protagonista dentro dos episódios em posição de enfrentar as mais variadas missões no fundo do mar mar.

A bordo de seu barco Argonauta, o calmo e corajoso herói se deparava com saqueadores, espiões, contrabandistas e pessoas mal-intencionadas. Ao longo da série foi visto atuando desde missões para encontrar diamantes, resgatar um piloto preso em um jato submerso, ou erradicar os estrangeiros ilegais mergulhando a caminho dos EUA. Para isso, usava equipamentos bem esquisitos combatendo a vilania enquanto passava para o seu público as belezas do mundo submarino.

Como não era possível diálogos nas cenas subaquáticas, Bridges fazia uma narração em off para todas as sequências. Com esses narrações, Nelson passava noções de preservação do meio ambiente não apenas aos personagens, mas também ao público telespectador.

Mike também era visto muitas vezes no parque aquático do Pacífico, em Los Angeles, onde fazia observações e pesquisas da vida marinha.

No final de cada episódio, Bridges apareceria como ele mesmo para fazer um breve comentário. Esses comentários às vezes incluíam um apelo aos espectadores para que compreendessem e protegessem o ambiente marinho, juntamente com as próprias experiências de Bridges.

 

No Brasil.


Aventura Submarina estreou na televisão brasileira nas afiliadas da TV Tupi em todo o Brasil. A série era levada ao ar diariamente às 17h e foi exibida na rede de emissoras até 1966, transferindo-se no ano seguinte para a TV Record e suas afiliadas, como a TV Rio, ali permanecendo em exibição até 1968.

No final do ano de 1970, o seriado passou a fazer parte da programação da Rede Globo, na ocasião ia ao ar diariamente às 14h50, mas foi cancelado já no ano seguinte. A série desde então jamais foi vista na televisão brasileira.

A dublagem realizada pelo estúdio carioca ZIV escalou para interpretar o protagonista de Aventura Submarina o ator e diretor Wilton Franco, que tornaria-se mais tarde um conceituado nome da televisão brasileira.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin