Emissora: ATV.
Emissora no Brasil: TV Tupi e TV Excelsior.
Transmissão Original: de 4 de outubro de 1964 a 27 de junho de 1965.
Duração: 25 minutos.
Temporadas: 1 (39 episódios).
Cores.
Companhias Produtoras: AP Films e Incorporated Television Company.

A Série.


Impossível falar de ficção científica dos anos 60 sem mencionar Gerry e Sylvia Anderson, um casal inglês que se aventurou na produção de séries para a TV. Mais do que isso, eles marcaram época com alguns dos seriados mais criativos dos últimos anos.

Utilizando uma técnica inovadora conhecida como Supermarionation, os Andersons viraram lenda ao utilizar não atores, mais sim sofisticados marionetes em suas aventuras.

Stingray ainda pagava pelo pioneirismo no processo de animação com diversos problemas técnicos. Mesmo assim, as histórias eram bem elaboradas e deram credibilidade para a dupla continuar a investir no gênero.

A série produzida pela AP Films para a ATV e ITC Entertainment, foi apresentada originalmente na Inglaterra, pela ITV, entre 4 de outubro de 1964 à 27 de junho de 1965, num total de 39 episódios de 30 minutos aproximadamente. Foi a primeira de Anderson produzida a cores e provavelmente a primeira série de bonecos a atingir a audiência de um público mais adulto.

A História.


A história da série girava em torno do capitão Troy Tempest e seu submarino super avançado, que dava nome ao programa, narrando suas aventuras misturando guerras e diplomacia entre os habitantes da superfície e o mundo subaquático.

Nascido em 4 de janeiro de 2038 na cidade de Nova York, o capitão Troy Tempest assumiu o comando do submarino Stingray em 2064 – ou seja, ainda muito jovem, com apenas 26 anos.

O avançado submarino atômico era armado com mísseis nucleares. Tempest, trabalhava para a Patrulha Aquática para Segurança Mundial (WASP), uma divisão do governo mundial responsável por patrulhar os mares. A Organização recebia as ordens de Comandante Shaw, que ficou aleijado durante uma batalha no mar e limitava a andar em seu hoverchair.

Troy Tempest foi responsável pelo primeiro contato com uma raça que vivia no fundo do mar em uma cidade chamada Titânica, sem que o resto do mundo tomasse conhecimento desse lugar. A cidade vivia sob a liderança do maligno Titan que era combatido ao longo da série pela organização WASP.

Essa raça submergida vagavam pelo fundo do mar com a sua engenhoca chamada de “Terror Fish”, que podiam lançar mísseis, quando o grande peixe mecânico abria uma brecha de sua boca. Em terra, o agente de Titã se chamava Artura, também conhecido com o codinome de X20. Toda vez que inexplicáveis ataques aconteciam aos habitantes da superfície, a divisão WASP era imediatamente chamada para investigar o acontecido e Stingray era acionado.

O herói Troy Tempest mantinha um interesse amoroso por Atlanta, filha do comandante paraplégico Shore, e também pela sereia de olhos verdes, Marina – habitante da cidade submarina e filha de Aphony, líder de Pacifica. Marina não pode falar, mas podia se comunicar com as outras pessoas através de seu poder de telepatia mental com alguns e com outros através de quirologia.

Troy Tempest tinha como co-piloto George “Phones” Sheridan, que foi apelidado assim porque ele tomava conta dos navios do tipo hidrophone, que usavam sistema de sonar e por isso ficava constantemente usando os “phones” para sua localização e comunicação.

No Brasil.


A série Stingray estreou em 1967 aos domingos no horário das 18h20 na TV Tupi, ficando no ar por menos de um ano. Em 1969 transferiu-se para a TV Excelsior sendo levada ao ar às 18h30 às terças-feiras. Na Excelsior a série também durou pouco tempo e já no início de 1970 havia sido cancelada.

Em 1972 retornou à emissora Tupi onde passava diariamente às 17h05. Anos mais tarde começou a ser levada ao ar dentro do Clube do Capitão Aza. Em 1978 voltou a ter seu próprio horário na TV Tupi, quando era mostrada diariamente às 15h40.



style=”display:inline-block;width:300px;height:250px”
data-ad-client=”ca-pub-7216971035978343″
data-ad-slot=”8029069552″>

WordPress Video Lightbox Plugin